quarta-feira, 21 de março de 2018

PROF.JOSÉ LUIZ BELLINI: ELE SE FOI DEIXANDO DE SI SAUDADE

APRESENTAÇÃO


José Luiz Bellini nasceu aos 13-02-1934 em Caldas, MG, tendo se mudado para Mairinque nos idos de 1945, trabalhando na lavoura e depois como servente e oficial de pedreiro. Com muito sacrifício fez madureza ginasial e posteriormente frequentou a Escola Técnica Fernando Prestes em Sorocaba na área de Desenho, o permitiu-lhe chegar ao posto de Sub Encarregado no setor de construção da Estrada de Ferro Sorocabana.

 Formou-se Técnico em Contabilidade na Escola Técnica Barão de Piratininga em São Roque e depois no curso de Magistério na EE Prof. Horácio Manley Lane. Para consolidar sua formação na área pedagógica, cursou em Sorocaba Administração, Pedagogia e Administração Escolar.

Elegeu-se Prefeito Municipal de Mairinque em 15-11-1982, tendo como Vice João Martins, tomando posse em 01-01-1983.


Bellini exerceu um segundo mandato como Prefeito Municipal de Mairinque de 1993 a 1996, tendo como Vice o advogado Dr. João Ideval Cômodo que o sucedeu em 1997.



Caldas, MG a cidade natal de Bellini


Cidade de Mairinque, que Bellini adotou como sua terra


Prefeitura Municipal de Mairinque, que
Bellini ocupou como prefeito por duas vezes
No seu primeiro mandato ele fez uma ampliação no paço.



Escola Honorina Rios de Carvalho Mello, uma entre outras
escolas do município onde Bellini exerceu o magistério.


O PRIMEIRO MANDATO DE BELLINI

   Em sua gestão ele cuidou da área central da cidade com aumento no número de salas de aula no “Villaça”, reforma no Parque Infantil, construção de um ambulatório no prédio da Prefeitura e ampliação do paço, instituindo-se o atendimento dentário gratuito.


Fez o recapeamento das ruas centrais da cidade; deu início à construção do prédio da Delegacia de Polícia de Mairinque; na Vila Sorocabana, ruas e avenidas foram recapeadas; fez uma reforma no Ginásio Municipal de Esportes e a canalização de córregos, evitando-se problemas de enchentes. Construiu o reservatório de água que abastece a Vila Nova Mairinque.
Na Vila Granada fez a reforma  do prédio escolar; fez obra de pavimentação em todo o bairro, exceto o Monjolinho; ampliou a iluminação pública bem como a rede de esgoto. Na Vila Barreto fez a construção de galerias de águas pluviais; asfaltamento em toda a vila; construção de prédio escolar e da quadra de esportes coberta. No Jardim Brasília fez pavimentação asfáltica e conclusão do prédio para o pré-primário. Na\ Vila Barreto construiu o ginásio de esportes, perfurou poço artesiano fez a regularização do loteamento, construiu pontes e campo de futebol e asfaltamento de 95% das ruas. No Bairro Marmeleiro fez a retificação do córrego, asfaltamento no bairro e construção de ponte; reformou o prédio da escola.
  No Jardim Três Lagoinhas reformou o prédio escolar; asfaltou a estrada Mairinque/Ibiúna e Bairro Setúbal. Instalou rede de esgoto e ampliou a rede de iluminação pública.  No Jardim Cruzeiro realizou as seguintes obras: Construção de creche, construção de estação de tratamento de água, pavimentação da Avenida Mitsuke e de todas as ruas da gleba B, construção da quadra de esportes e reforma na rede de água e esgoto.
 No Jardim Flora a Prefeitura fez a instalação da rede  de água, construção do Posto de Saúde e de uma escola de primeiro grau.
No âmbito geral a prefeitura implantou o transporte gratuito para estudantes, atendimento especializado na área de saúde, fornecimento de plantas para construção de casas populares, passes para os idosos, construção de creches e parques infantis.                 
No Distrito de Alumínio realizou estas obras: Na Vila Paulo Dias fez a retificação do córrego, construção de creche e reforma do prédio do Posto de Saúde. Na Vila Santa Luzia fez o asfaltamento de todas as ruas, construiu a avenida marginal, praça pública, velório municipal e ampliou o cemitério. Na Vila Paraíso Fez a retificação do córrego e pavimentação asfáltica. No Jardim Olidel fez a implantação e construção de sala para o curso pré-primário, construção de prédio escolar e quadra de esportes coberta. Asfaltou ruas do bairro. No bairro Itararé asfaltou as ruas do bairro, inclusive a que liga ao centro de Alumínio.
 Nos bairros mais afastados a administração Bellini fez regularização do loteamento na Porta do Sol bem como a implantação do sistema de captação de água e pavimentação. Em Dona Catarina construiu  o prédio do Posto de Saúde, fez a melhoria nas estradas, criou salas de quinta a oitava série do 1º grau e reformou o cemitério. No bairro Moreiras foram construídos o Posto de saúde e uma ponte. No bairro Cristal foi construído o prédio do Posto de Saúde e feito retificação de estrada. Em Mato Dentro foi feita uma reforma no prédio da escola e construída uma ponte. Na Capuava foi feita a ampliação do prédio da escolar, construção de escolas e da ponte do Sinindú.
 Destaca-se ainda na administração Bellini a criação do SAEM – Serviço de Água e Esgoto de Mairinque, com a construção nova estação de tratamento de água, triplicando a capacidade no reservatório do Carvalhal; reforma da praça na Vila Sorocabana e a obra considerada de maior importância, qual seja a construção da adutora do Fiscal, numa extensão de oito quilômetros. 


Fonte: Jornal O Democrata de 27-10-1990.



         José Luiz Bellini e João Martins (Zito), Prefeito e Vice
na 6ª Legislatura - 1983 a 1988


O SEGUNDO MANDATO DE BELLINI

José Luiz Bellini exerceu um segundo mandato como Prefeito Municipal de Mairinque de 1993 a 1996, tendo como Vice o advogado Dr. João Ideval Cômodo que o sucedeu em 1997. Bellini assumiu a Prefeitura com grandes dificuldades financeiras visto que o Distrito de Alumínio conseguira sua emancipação político-administrativa e grande parte dos recursos tributários vinham de lá por causa da Cia. Brasileira de Alumínio, a maior fábrica de alumínio integrada do mundo.
  Os servidores que moravam e/ou trabalhavam em Alumínio foram transferidos para o novo município, o qual teve como seu primeiro Prefeito o comerciante José Aparecida Tisêo.

  Mesmo em meio às dificuldades Bellini conseguiu equilibrar as contas e deixou duas obras bastante significativas realizadas: A extensão da Estrada do Sertanejo até o bairro Cocoza onde estão instaladas indústrias de porte, removendo o fluxo de veículos pesados do centro da cidade e a construção da estrada vicinal do Bairro Moreiras, aproveitando o leito da Estrada de Ferro Ituana que fora desativada. Nessa gestão o transporte coletivo foi terceirizado. 

Fonte: O próprio autor.



José Luiz Bellini e João Ideval Cômodo, Prefeito e Vice
na 8ª legislatura - 1993 a 1996


O FALECIMENTO DE BELLINI


O ex-prefeito de Mairinque professor José Luiz Bellini, 84 anos, faleceu no início da tarde desta segunda-feira. O sepultamento será nesta terça-feira (20-03-2018) no Cemitério de Mairinque às 9 horas.

Nascido em 13 de fevereiro de 1.934, em Caldas (MG), foi duas vezes prefeito de Mairinque entre 1983/88 e 1993/1996. Era filho de Benedito Bellini e Francisca Brettas Bellini.
O livro “Caminhos Percorridos”,  lançado em 1984 por João Roberto Pinto Figueiredo (Pelica), destaca que em termos percentuais Bellini é o candidato a vereador mais votado de Mairinque pois na eleição de 1972 somou 564 quando o eleitorado era de pouco mais de 3 mil eleitores.
Pelica destaca ainda que Bellini começou a trabalhar na antiga Fazenda Cocozza, além de trabalhar como pedreiro e encanador na Vila Granada.
Trabalhou na Estrada de Ferro Sorocabana. Sempre se esforçou muito para estudar. Concluiu o ginásio e fez curso de contabilidade e formou-se professor.
Nossos sentimos a esposa dona Virgínia e aos filhos Jomar e Jane. Em várias oportunidades entrevistei o prefeito Bellini que sempre nos atendia com grande atenção
Bellini e esposa senhora Virgínia por ocasião da
homenagem.
Fonte do texto e foto

http://vanderluiz.com.br/site/nota-de-falecimento-jose-luiz-bellini-84-anos-ex-prefeito-de-mairinque/


CONCLUSÃO

         Este trabalho pode ser melhorado através de críticas construtivas e sugestões. É assim que tenho feito com todas as postagens publicadas em meu blog.
        Portanto, se você tiver qualquer contribuição a fazer, poderá entrar em contato comigo através do e-mail indicado no final desta publicação

SOBRE O AUTOR DA POSTAGEM


Wilson do Carmo Ribeiro é industriário aposentado, professor e historiador diletante. 
É presbítero emérito da Igreja Presbiteriana do Brasil e membro da  Igreja Presbiteriana Rocha Eterna de Sorocaba.
E-mail: prebwilson@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário